10 ingredientes químicos nocivos para evitar ao comprar produtos de higiene para bebês

Saúde e Cuidados novembro 10, 2015

| “Delicadas” e “Suaves” é como geralmente se apresentam as fórmulas dos produtos de higiene infantil. Mas a verdade é que muitas delas são tóxicas e podem até causar câncer.

Arthur | Banho | 10 meses

Arthur | Banho | 10 meses

Não sou química, farmacêutica e sequer tenho alguma formação na área da saúde.

Mas como mãe, passei a ter curiosidade e interesse em averiguar o que se esconde por detrás daqueles nomes complexos, escritos em letrinhas bem minúsculas nos rótulos dos produtos, especialmente os destinados à higiene infantil.

Felizmente, existem organizações sérias, em sua maioria internacionais, que se dedicam a pesquisar e divulgar a toxidade de vários componentes presentes em produtos do nosso dia-a-dia, orientando e servindo como guia para que consumidores leigos possam se capacitar a tomar decisões mais seguras e informadas a respeito daquilo que compram. A exemplo, Good Guide, EWG e Safe Cosmetics.

Eu ainda nem era mãe quando em 2011 foi noticiado que a Johnson & Johnson utilizava um composto químico chamado Quaternium-15 em sua linha de produtos de banho para bebês. Esse composto é conhecido por liberar pequenas quantidades de formaldeído, um conservante comprovadamente nocivo à saúde, que pode causar desde uma simples irritação na pele, até dermatites mais graves e  doenças como o câncer. (2) Além do Quaternium-15, outro componente químico tóxico foi identificado na mesma linha de produtos para bebês. Era o 1,4 – dioxano, com o mesmo potencial para causar prejuízos à saúde da criança.

Sabonete Líquido Glicerinado da Cabeça aos Pés - JOHNSON'S baby - o mais usado aqui em casa, até pouco tempo.

Sabonete Líquido Glicerinado da Cabeça aos Pés – JOHNSON’S baby – o mais usado aqui em casa, até pouco tempo.

A descoberta se deu depois que a organização Campanha por Cosméticos Seguros encaminhou à J&J um relatório com os resultados de estudos que comprovavam a presença dos contaminantes em seus produtos para bebês, junto de uma solicitação para que os itens fossem removidos de suas fórmulas. Pressionada e sem argumentos para questionar, a J&J reconheceu o problema e , logo em 2012, se comprometeu a tomar uma ação para resolvê-lo. No início de 2014, a empresa comunicou publicamente que as fórmulas haviam sido revistas, sendo os conservantes liberadores de formaldeído removidos dos produtos para bebês e, os níveis do 1,4- dioxano das linhas infantis e para adultos, reduzidos em todos os lugares do mundo. (1)

[O site da J&J Baby no Brasil, inclusive, incluiu uma nota chamada “Perguntas Freqüentes” que responde possíveis dúvidas a respeito da existência do Quaternium-15 e 1,4 – dioxano ainda em seus produtos. Pode ser visto clicando aqui.]

No final das contas, a gente não imagina que uma gigante como essa, tão tradicionalmente conhecida no mundo inteiro quando o assunto é cuidado pessoal, utiliza ingredientes perigosos na composição de uma linha destinada àqueles seres com organismos tão vulneráveis e sensíveis como os bebês.

Não dá pra confiar que, principalmente essas milionárias já estabelecidas, farão a coisa certa, se preocupando em realizar negócios éticos e responsáveis.

Enquanto isso, o que nós pais podemos fazer é proteger nossos pequenos, sempre que possível, da avalanche de contaminação por produtos tóxicos que são sugeridos pelo mercado para seus cuidados e higiene.

Aqui segue uma lista de 10 ingredientes químicos nocivos para se evitar ao comprar produtos para seus bebês. Ao escolher qualquer item na prateleira da farmácia ou supermercado, observe o rótulo em seu verso e cheque se alguns dos nomes abaixo aparecem lá. Uma colinha no bloco de notas do celular ou impressa na carteira pode ajudá-la a ter essas palavrinhas complicadas sempre à mão:

1. Quaternium-15

O que é: substância química que libera pequenas quantidades do conservante formaldeído.
Encontrado em: produtos para o cabelo, cremes, loções, produtos de limpeza, colírios, entre outros.
Como pode estar no rótulo: cloreto de benzalcônio, cloreto de benzetônio, quaternium-15, cloreto de guar hidroxipropiltrimônio, brometo de cetrimônio, polyquaternium – seguido de um número (ou seja, poliquatérnium-7). (2)

2. Formaldeído e conservantes que liberam formaldeído

O que é: produtos químicos que ajudam a prevenir o crescimento de bactérias nos produtos à base de água.
Encontrado em: cola de cílios, gel de cabelo, produtos de alisamento de cabelo, xampu, sabonete, entre outros.
Como pode estar no rótulo: formaldeído, quaternium-15, DMDM hidantoína, imidazolidinil uréia, diazolidinil uréia, hidroximetilglicinato de sódio, 2-bromo-2-nitropropano-1,3-diol (bronopol). (3)

3. 1,4 – Dioxano

O que é: substância contaminante, criada quando ingredientes comuns reagem para formar determinado composto.
Encontrado em: produtos que criam espuma (tais como xampus e sabonetes líquidos), relaxantes de cabelo, entre outros.
Como pode estar no rótulo: lauril sulfato de sódio e produtos químicos que contém a terminação xynol, ceteareth e oleth. Também podem ser encontrados assim: 1,4-diethylenedioxide; 1,4-dioxacyclohexane; 1,4-dioxanne; di(ethyleneoxide); diethylene dioxide; diethylene ether; dioksan; diossano-1,4; dioxaan-1,4; dioxan; dioxan-1,4; dioxane; dioxane-1,4; glycol ethylene ether; para-dioxane; p-dioxan; p-dioxane; p-dioxin, tetrahydro-; tetrahydro-1,4-dioxin; tetrahydro-para-dioxin e tetrahydro-p-dioxin. E assim, através de ingredientes que produzem o 1,4 – Dioxano como subproduto: polyethylene glycols – PEGs, polyethylene, polyoxyethylene e ceteareth, polysorbate-20 e 60, sodium laureth sulfate e PEG-40 hydrogenated castor oil. (4)(5)

4. Methylisothiazolinone ou Methylchloroisothiazolinone

O que é: conservante associado à problemas pulmonares.
Encontrado em: xampu, condicionador, protetor solar, cosméticos, creme de barbear, loção e sabonetes líquidos de bebê, spray de cabelo, removedor de maquiagem, detergentes, entre outros.
Como pode estar no rótulo: Methylisothiazolinone (MIT): 2-metil-4-isotiazolina-3-ona, Neolone 950, MI, OriStar MIT e Microcare MT. Metilcloroisotiazolinona (CMIT): 5-Cloro-2-metil-4-isotiazolin-3-ona e MCI. (6)

5. Triclosan

O que é: agente antimicrobiano, capaz de inibir o desenvolvimento de fungos, vírus e bactérias. Seus efeitos já foram associados à problemas hormonais e de pele.
Encontrado em: sabonetes antibacterianos e detergentes, creme dental e produtos de branqueamento dentário, antitranspirantes e desodorantes, produtos para barbear, cremes, cosméticos, entre outros.
Como pode estar no rótulo: triclosan. (7)

6. Ftalato

O que é: substância capaz de tornar plásticos rígidos em plásticos mais maleáveis e duráveis. Geralmente é encontrada em perfumes para que se fixem por mais tempo e em shampoos, sabonetes e cremes, para que tenham melhor aspecto de cremosidade. É tido como desregulador endócrino e seus efeitos estão associados ao câncer de mama e à diminuição da fertilidade masculina.
Encontrado em: cosméticos, perfumes, produtos para cabelos, entre outros.
Como pode estar no rótulo: ftalato, DEP, PAD, DEHP e fragrância. (8) (9)

7. Parabeno

O que é: composto químico utilizado como conservante, utilizado em cosméticos por ter ação antimicrobiana. É tido como um desregulador endócrino e pode ser absorvido através da pele, do sangue e do sistema digestivo.
Encontrado em: maquiagens, desodorantes, hidratantes, loções, óleos e loções infantis, produtos para o cabelo, perfumes, entre outros.
Como pode estar no rótulo: etilparabeno, butilparabeno, metilparabeno, propilparabeno, isobutilparabeno, isopropilparabeno e outros ingredientes que termina em –parabeno. (10)

8. Fragrância

O que é: combinação de produtos químicos que dá a cada perfume, o seu aroma distinto. As fragrâncias podem ser derivadas do petróleo ou matérias-primas naturais. Estão associadas à alergias e sensibilidades, além de doenças como o câncer.
Encontrado em: a maioria dos produtos de cuidados pessoais, incluindo protetores solar, xampus, sabonetes, desodorantes, loções, maquiagens, cremes faciais, perfumes, entre outros.
Como pode estar no rótulo: fragrância, perfume, parfum, mistura de óleo essencial, aroma. (11)

9. Óleo mineral

O que é: mistura líquida de hidrocarbonetos obtida a partir do petróleo. Exposição constante pode ocasionar alergias, problemas respiratórios e até câncer. Também retarda o desenvolvimento das células natural da pele, fazendo com que a pele envelheça prematuramente.
Encontrado em: óleos de bebê, produtos para o cabelo, hidratantes, maquiagens, entre outros.
Como pode estar no rótulo: óleo mineral pesado, óleo mineral leve, parafina líquida, petrolato líquido, óleo de parafina, “paraffinum liquidum”, “mineral oil”,”liquid paraffin”. (12)

10. Etanolamina e derivados (MEA, DEA, TEA e outros)

O que é: um líquido tóxico, inflamável, corrosivo, incolor e viscoso, com um odor similar ao amoníaco. Em formulações de cosméticos, a DEA (Dietanolamina) pode reagir com outros ingredientes para formar um carcinogéneo chamado nitrosodietanolamina (NDEA), que é absorvido através da pele.
Encontrado em: sabonetes, xampus, tinturas, loções, cremes de barbear, parafina e ceras, produtos de limpeza doméstica, pomadas, maquiagens, fragrâncias, protetores solares, entre outros.
Como pode estar no rótulo: triethanolamine, dietanolamina, DEA, TEA, DEA cocamida, cocamida MEA, DEA-fosfato cetílico, DEA oleth-3 fosfato, lauramida dietanolamina, linoleamide MEA, miristamida DEA, oleamida DEA, Estearamida MEA, Lauril sulfato TEA. (13) (14)

Referências:
(1) http://www.ewg.org/release/johnson-johnson-cleans-formaldehyde-out-baby-products-moving-adult-goods
(2) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/quaternium-15/
(3) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/formaldehyde/
(4) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/14-dioxane/
(5) http://www.ecycle.com.br/component/content/article/63/2200-o-que-e-dioxano-dioxina-onde-esta-presente-cosmeticos-desodorantes-perfumes-produtos-de-limpeza-agua-rios-riscos-cancer-danos-figado-rins-alternativas.html
(6) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/methylisothiazolinone/
(7) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/triclosan/
(8) http://www.ecycle.com.br/component/content/article/67-dia-a-dia/2183-ftalato-ftalatos-plastico-maleavel-rigido-brinquedos-copos-pvc-esmalte-brilho-fixacao-cometicos-quimicos-hidratante-spray-problemas-fertilidade-masculina-reproducao-feminina-cancer-figado-rins-.html
(9) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/phthalates/
(10) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/parabens/
(11) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/fragrance/
(12) http://www.ewg.org/skindeep/ingredient/703977/MINERAL_OIL/
(13) https://pt.wikipedia.org/wiki/Etanolamina
(14) http://www.safecosmetics.org/get-the-facts/chemicals-of-concern/ethanolamine-compounds/

13 Comentários em 10 ingredientes químicos nocivos para evitar ao comprar produtos de higiene para bebês

  1. Citananda dd

    Imagina a quantidade de produtos químicos que constam em uma pasta de dente.
    Sem contar que todos esses produtos foram testados em animais causando dor, morte e muito sofrimento.
    Uma boa alternativa é buscar as ervas e soluções naturais extraídas de óleos (que podemos fazer em casa) que tem os mesmos benefícios do sabonete e shampoo, limpando, hidratando e protegendo a pele do bebê.

    • Fernanda

      Oi Mari!
      Pois é, pensamos nos produtos para crianças, mas também somos afetados diariamente por quase tudo aquilo que usamos.
      Bom mesmo estar em alerta, buscar essas soluções mais caseiras e adotar o hábito de ler sempre os rótulos, né?!
      Obrigada pelo comentário!

  2. Natalia Melo

    Olá, estou achando muito legal e útil seu site!
    Gostaria de saber se você tem alguma indicação de marca que não utilize essas substâncias.

    • Fernanda

      Oi Natália! Tomarei a liberdade de escrever para o seu e-mail para te responder. Um abraço!

  3. Isabella

    Obrigada pelas informações. Vocês conhecem linhas confiáveis de produtos de higiene para bebês aqui no Brasil?

    • Fernanda

      Oi Isabella! Tomarei a liberdade de escrever para o seu e-mail para te responder. Um abraço!

  4. Demmis

    Olá, tudo bem? Muitíssimo obrigado pela sua disposição e o compartilhamento de seus estudos. Top star!
    Gostaria de saber se você tem alguma indicação de marca que não utilize essas substâncias? Grato

    • Fernanda

      Olá! Espero que minha resposta ainda possa ser útil. Você procura produtos mais saudáveis para uso em recém-nascidos? Em breve publicarei uma série de dicas no blog. Um beijo!

  5. Eliete

    Olá!
    Que bom que você compartilha essas informações importantíssimas. Se possível, gostaria que me indicasse linhas e ou produtos menos agressivos.
    Forte abraço.

    • Fernanda

      Olá Eliete! A sua busca é por produtos para recém-nascidos? Em breve publicarei um post com dicas a esse respeito. Obrigada!

  6. Tâmara

    Oi! Estou adorando seu site! Também gostaria de indicação de produtos… pode me enviar, por favor?
    Abraço!

    • Fernanda

      Oi Tâmara! Quais produtos são foco de seu interesse? Para o corpo, para o cabelo…? E é para um recém-nascido? Estou fazendo um compilado para um post novo mas posso tentar indicar pontualmente. Um beijo!

Deixe um comentário